08 fevereiro 2015

A long time ago - Era "Ameno"

Dizem os "experts" na matéria que a Terra já esteve toda unida. Depois com a evolução dos anos, foi-se afastando devidos às placas tectónicas e mais não sei o quê. Alguém licenciado em Geografia explica isto muito bem...

Tendo em conta que os últimos dados da Arqueologia, dizem que já havia humanos na Terra e Evoluídos aquando da construção de cidades entre Atenas na Grécia e Alexandria no Egipto. Ou seja, estas duas cidades, hoje países onde é preciso um avião para atravessar o Mar Mediterrâneo. Outrora, o Mar Mediterrâneo foi um riacho, ribeira, ribeiro... Algo que se cruzava facilmente...

Platão foi o primeiro a falar da "Atlântida". Não me venham com merdas de conversa. Platão era Filósofo na Época e muito pouco dado a Deuses e a Religião.

"Nos contos de Platão, Atlântida era uma potência naval localizada "para lá das Colunas de Hércules", que conquistou muitas partes da Europa Ocidental e África 9000 anos antes da era de Solon, ou seja, aproximadamente 9600 a.C.. Após uma tentativa fracassada de invadir Atenas, Atlântida afundou no oceano "em um único dia e noite de infortúnio".

Estudiosos disputam se e como a história ou conto de Platão foi inspirada por antigas tradições. Alguns investigadores argumentam que Platão criou a história mediante memórias de eventos antigos como a erupção de Thera ou a guerra de Troia, enquanto outros insistem que ele teve inspiração em acontecimentos contemporâneos, como a destruição de Helique em 373 a.C.1 ou a fracassada invasão ateniense da Sicília em 415 a.C. – 413 a.C.."

Muito bem, vamos procurar outras civilizações antigas da Época:

"Lemúria é o nome de um suposto continente perdido, localizado no Oceano Índico ou no Oceano Pacífico. A ideia teve origem no século XIX, pela teoria geológica do Catastrofismo, mas desde então tem vindo a ser adoptada por escritores do Oculto, assim como pelo povo Tâmil, da Índia."

Se tivermos em conta que na Mesopotâmia, Jericó em Israel é a Cidade mais antiga e sempre habitada desde os tempos Bíblicos...

"Ur, a semelhança de Uruk e Eridu, teve suas origens no Período Ubaid, logo no começo dos assentamentos permanentes na baixa Mesopotâmia. Era também um importante centro cerimonial e religioso, e durante os períodos historicamente documentados alojou, sem a menor dúvida, o santuário do deus-lua, chamado Nannar em sumeriano e Sin em acadiano. As comunicações favoráveis também asseguraram prosperidade econômica, e a cidade, em particular durante o terceiro milênio, gozou de considerável poder político, primeiro como cidade independente, depois como a capital de um estado centralizado durante a Terceira Dinastia de Ur. Como sede de governo, beneficiou-se de maciços programas de construção, desde substanciais muralhas citadinas até vastos recintos religiosos. O prestigio dos bem-dotados templos de Ur sobreviveu à influência política da cidade, e muitos governantes posteriores acharam aconselhável manter e dotar os santuários com subvenções, doações e projetos arquitetônicos. Mesmo quando perdeu sua importância econômica em resultado de mudanças na malha de transportes, Ur jamais caiu, como Eridu, num estado de desolação e abandono ao longo dos milênios de civilização mesopotâmia. Junto como outras antigas cidades do sul, Ur foi esplendorosamente restaurada por Nabucodonosor II (6O5-só2). A cidade só morreu quando a função cerimonial deixou de harmonizar-se com um clima político mudado, como ocorreu quando a Mesopotâmia foi incorporada ao império aquemênida (55O-33O). Mesmo antes desse tempo, porém, o culto do deus-lua já se deslocara ainda mais para oeste, para a síria Harran"

"Segundo levantamentos posteriores, toda a humanidade descenderia de Mu, e segundo Churchward tratava-se do Jardim do Éden, onde há 200 mil anos havia surgido o homem. As diferenças raciais teriam levado os grupos colonizadores a migrar para diferentes partes do mundo. Os mais poderosos formaram o império Uigur, cuja capital encontra-se até hoje enterrada sob o deserto de Gobi, na Ásia. Os outros formaram outras civilizações, entre elas as também hipotéticas Atlântida e Lemúria."

Como não há muita informação disponível acerca do que aconteceu nos entretantos, dos degelos e separações dos continentes. Tudo são Hipóteses

Ou seja, dizem os mais esotéricos, onde a grande maioria acredita na Reencarnação da alma e tem a mania que só eles foram abençoados por Deus...

Se em Ur Já se fala de Deus e em Jericó, já se esperava o filho de Deus. O Messias que iria salvar a Humanidade

Que estranho?! 5 mil anos de Vida na Terra e já se espera pelo filho de Deus para nos Salvar a todos?! Caso para dizer:

Óh Raça que não vales nada

Certo?! De acordo até aqui?!

10 comentários:

D. disse...

Este não foi um dos teus tipicos posts que me fez rir imenso, mas gostei na mesma :)

Tens uma tag para responder no meu blog. Beijo

Ricardo Costa disse...

Olha esses é daqueles que não tÊm nada para fazer.. xD

Francisco disse...

D

Não era bem para rir, é mais para a frente :)

Beijinhos

Francisco disse...

Ricardo Costa,

Por não terem nada para fazer e sem electricidade. Perceberam o Céu ;)

Abraço

Leonel S. disse...

Não deixas de me surpreender. por trás dum simpático, divertido, comunicativo e "picante" há um tipo com grandes conhecimentos e cultura.
Só assim se consegue fazer um post destes onde se mistura história e boa disposição.
Grande bem haja, francisco.

N a m o r a d o disse...

E os Açores? Dizem que a Atlântida era por lá... lol

Francisco disse...

Leonel S

Não te esqueças de nomear este canto para Eurovisão dos Gramys no canto do namorado

:D

Um gajo normal, com uma cultura normal e um conhecimento normal. Trabalho num call center, onde muitos pensam que eu tenho a 4ª classe

eheheheheehehehheehheheeheheheheh

Grande Abraço amigo Leonel

Francisco disse...

Namorado,

Já aqui falei em tempos, por serem os olhos tristes de uma princesa. Mas, queres falar das recentes descobertas de pirâmides?! Tem aparecido mais espalhadas pelo mundo. Deixaram de ser fabrico egipcío ehehhehehehehehe

Grande Abraço

João Roque disse...

Muito bem, Francisco.

Francisco disse...

João Roque

obrigado :)

Abraço amigo