28 julho 2015

Cobaia III - Cascada "Everytime we touch"

Sento-me na poltrona, começo primeiro de olhos aberto. Há medida que me fazem perguntas mais específicas de como vejo Deus. Tendo a fechar os olhos. Venho a saber mais tarde que faz parte do processo. Facilita mais o relaxamento. Enquanto relaxo, os meus pensamentos são tão vagos, e vou dando respostas e tendo consciência em todo o momento. Quando me pedem para eu regressar a um momento do meu passado. A maioria regressa até à juventude, ou adolescência.

Não sei se já vos contei que não tenho memórias muito antigas, tenho alguns flash´s de alguns momentos. Recordo-me mais depois dos 6/7 anos. Antes, nada ou quase nada...

Recuei até aos 4 anos, melhor 3 anos e alguns meses. Quando os meus pais mudaram de casa. Vi com tanta clareza aquele dia e aquele momento. Eu estava super alegre. Não me recordo de alguma vez ter estado tão feliz.

Sei que pediram para eu abraçar aquela criança. Não fui capaz, não conseguia mexer os braços. Curioso?! Apenas respondi: Não sou capaz, não sou capaz de abraça-lo

Pode a criança abraço-lo?! ouvi questionar. Claro que sim, sou eu em puto.

Naquela tarde, liguei ao meu irmão mais velho a perguntar:

- Epá! Tive um sonho bués da estranho. Sonhei com a mudança de casa, quando éramos putos.. etc etc

Irmão mais velho: - Sim! Francisco. A carrinha era dessa cor, grande memória que tu tens.

Até há meia dúzia de dias atrás, apenas tinha um flash da mudança de casa, que nem sabia bem definir...

A minha/nossa mente ainda é um mistério, é o que tenho a dizer

"To be continued..."

10 comentários:

Super Funky disse...

Quantas vezes estou num momento e tenho sensação que já sonhei com isto... pior as vezes escrevo os meus sonhos e realmente existe coisas que depois acontecem... mas isso será um tema de um dia para um post ;)

Francisco disse...

Super Funky

Fiquei curioso, toca lá a partilhar os teus sonhos e momentos avec nous :)

Goodblog Badblog disse...

Tenho medo que me mandem fazer coisas, lol.

Francisco disse...

GBBB

E serias bem mandado?! ehehehehehehehe :P

No Limite do Oceano disse...

Nem mais, a mente é algo mesmo misterioso.

Se os sonhos poderão ser banais há quem os veja como uma forma de ler o subconsciente. Será? Não sei, mas sempre que sonho fico cansado.

Francisco disse...

No Limite do Oceano,

principalmente naqueles que passo a vida a subir e a correr atrás de coisas ahahahahahhahahahah

N a m o r a d o disse...

Acredita. Temos coisas guardadas cá dentro que nem nós sabemos.

Francisco disse...

Namorado,

Sempre acreditei que sim :)

Mikel Shiraha disse...

A memória é um segredo muito bem guardado... ^^

Francisco disse...

Mikel S

Se é?! Acredito que sim :)