01 julho 2018

Revolta do Povo


Fui jantar com amigos e ouvi uma gaja dos seus 50 anos, divorciada a defender os muçulmanos com unhas e dentes... Ela até teimou comigo que o profeta era Alá, quando a corrigi para Maomé... O que fui fazer... "soltou os cães que tinha, os que não tinha e ainda os mais que houvesse..." Disse-me que eu na categoria de Gay deveria saber o que é a perseguição às minorias... Coitada desta gente que nem sabe que as mulheres na Arábia Saudita só este ano é que tiveram permissão para tirar a carta de condução... E, não é para todas...

De facto, gajas sem pila, dizem com cada coisa... Tudo começou quando eu disse que preferia que o Uruguai ganhasse. Portugal tinha perdido com o campeão. E, quando disse que preferia a Espanha que a Rússia, porque quanto a mim, já todos se esqueceram do campo de concentração da Chechênia contra os gays lololololololololololololol

2 comentários:

João Fadário-Belfort disse...

É como diz a primeira imagem... o Povo esquece depressa os problemas, quando tem futebol pela frente...

Francisco disse...

João Fadário

Ainda dizem que a Religião é que é o ópio do povo lololololololololol