28 dezembro 2014

Urgências - Tony Carreira "Falta de ti"

Acho muito bem que as Urgências tenham nesta altura do ano, tempo de espera bastante superior a 12 horas, por dois motivos e que quero ver quem diz que eu estou errado?!

Primeira:
Todos nós sabemos, que uma Grande Maioria das Pessoas vão deixar os Velhotes nos Hospitais, para poderem irem de férias de Natal e Passagem de Ano.
Já repararam a quantidade de pessoas que levaram velhotes. Só os velhotes é que precisam de Urgências?! E, as Crianças?! Viram alguma em alguma reportagem da TV?! POIS...

Segunda:
Recordam-se quando eu vendia "Seguros de Saúde" por telefone, com possibilidade terem incluído a ida do médico a casa!? Todos tinham seguros, disto e daquilo, da empresa, da equipa de futebol, de tudo e mais um par de botas...

Então!?
Porque não activaram o SEGURO?!

Os meus Parabéns ao Ministro e às Administrações dos Hospitais em questão

11 comentários:

Leonel S. disse...

verdade. Até porque muitos foram embora quando viram o tempo de espera. Afinal não era muito grave

Francisco disse...

Leonel S

Pois! Era para "depositar" velhotes

Abraço amigo

Margarida disse...

do que tu te lembras... também houve médicos de baixa...
mas de facto quem vai depositar os velhos nos hospitais nesta data é de uma crueldade inimaginável. esperemos que os seus filhos não lhes façam o mesmo.
boa semana :)
bjs.

João disse...

Havia de existir multas para quem fosse fazer este tipo de situações, queria ver se as urgências voltavam a encher assim! :/

Francisco disse...

Margarida

Ouvi a noticia e tive este pensamento

Beijinhos

Francisco disse...

João,

De facto deveria existir mesmo

Mark disse...

Os idosos abandonados nos hospitais, seja nesta altura do ano ou em outra, é algo que me perturba profundamente.

Mark disse...

Os idosos abandonados nos hospitais, seja nesta altura do ano ou em outra, é algo que me perturba profundamente.

Francisco disse...

Mark,

Nesta altura é assustador

Agora paga-se aos médicos a peso de ouro...

Abraço amigo

N a m o r a d o disse...

A questão é maior que isso tudo, acho eu e chama-se "destruição do serviço nacional de saúde".

Francisco disse...

Namorado

E, a culpa é de quem?!

O Estado aproveita-se da parvoíce das pessoas lololololololololol